Resinagem

O que é Resinagem


A resinagem consiste na extração de resina de árvores do gênero Pinus, por meio de pequenas incisões periódicas na parte externa do seu tronco. Geralmente, a atividade é iniciada em povoamentos com DAP médio superior a 18 cm. As espécies com maior potencial de produtividade no Brasil são Pinus elliottii, Pinus caribaea-hondurensis, Pinus caribaea-caribaea, Pinus caribaea-bahamensis, Pinus oocarpa e híbridos de Pinus elliottii. Cada face produz, aproximadamente, de 3 a 6 kg de resina por ano. Porém, algumas plantas selecionadas no programa de melhoramento chegam a produzir mais de 10 kg de resina por ano, demonstrando, assim, um grande potencial de seleção e melhoramento genético para esta característica. A produtividade é influenciada por fatores genéticos e edafoclimáticos da região.

Através da fixação do homem no campo, a resinagem contribui com a vigilância e proteção contra incêndios e invasões, além da manutenção de estradas e aceiros e no combate à formiga.

Além dos ganhos ambientais, a atividade ainda antecipa as receitas da floresta, gerando resultados iguais ou até mesmo maiores que os obtidos com a venda da madeira, sem gerar qualquer tipo de resíduo ou passivo ambiental ao local de produção.

Nosso método de resinagem já é bastante consolidado operacionalmente e reconhecido por diversas empresas do setor florestal.

Ciclo Florestal

De forma resumida, o ciclo florestal e de resinagem consiste nos seguintes passos:

1 - Plantio das mudas de Pinus em terreno limpo. Após o plantio é fundamental realizar os tratos culturais de roçada e combate à formiga.

2 - Condução da floresta por 6 ou 7 anos, onde, neste momento, dependendo do espaçamento de plantio, pode ser realizado um desbaste. Além disso, é fundamental ser realizada uma desrama, visto que a atividade de resinagem não é possível em árvores com presença de galhos na altura do painel.

3 - Próximo ao décimo ano já é possível realizar a primeira safra de resinagem, que, de forma geral, pode ser conduzida durante 10 safras (anos).

4 - Ao final do ciclo de resinagem, a floresta estará com idade próxima a 20 anos, podendo então ser cortada e plantada novamente.

Estimativas por Ha no ciclo: 500 – 700 m³ de madeira e de 30 – 50 ton de resina.

Processo Resinagem

Instalação do Saquinho

O método utiliza uma ferramenta chamada de riscador, que efetua a abertura de um risco no sentido horizontal da árvore, que resultará na base para posicionar o saquinho. Nesse momento, são realizadas a abertura de uma estria, a aplicação de pasta estimulante base vegetal e a colocação do saquinho.

Estrias

A safra de resinagem é iniciada em outubro e se estende até setembro do próximo ano, utilizando as estações da primavera, verão e outono para realizar estria e coleta; e o inverno para finalização da safra e preparar a seguinte. Devido ao progresso da safra, as estrias avançam no painel, uma após a outra, necessitando, assim, mudar o seu formato e ferramentas. Normalmente, é mantida a largura entre 2 e 2,5cm e 20cm de comprimento:

• Normal: seguindo desde a primeira estria até a altura de 1,40m.

• Facão ou diagonal: seguindo de 1,40m até 1,60m.

• Vezinho: seguindo de 1,60m até 2,20m.

• Vezão: seguindo de 2,20m até o final.

Coleta

Trata-se da atividade de colher a resina armazenada no saquinho. Essa coleta pode ser semi mecanizada ou manual. A mesma é realizada de 2 a 4 vezes por ano em cada árvore, mantendo um fluxo contínuo de coleta.

• Coleta semi mecanizada: utilizadas em grandes áreas com equipes específicas para tal atividade, onde a topografia do terreno possibilite a mecanização.

• Coleta manual: é utilizada em áreas menores ou com topografia irregular.

Subida de saquinho

Atividade realizada sempre que a estria fica distante do painel. Geralmente, ocorre durante a safra, sendo que o mesmo é erguido até altura máxima de 1,2 metros.

Transporte

Além da tradicional remoção de tambores com plataformas, nosso grupo faz uso de guinchos e caçamba hidráulica acoplada no trator para remoção de tambores em regiões com topografia acentuada.

São diversas modalidades de transporte de carga em caminhões, todas em conformidade com a lei n.º 9.503/97 do Código de Trânsito Brasileiro.

Segurança no trabalho

O Grupo RB, consciente que a prevenção de acidentes e que o fator humano é o mais importante para os seus negócios, tem estabelecido e cumprido padrões rigorosos em saúde e segurança, para garantir a integridade física de seus colaboradores no ambiente de trabalho e cumprir a legislação vigente.

Os assuntos relacionados à Saúde e Segurança dos colaboradores é considerado como prioritário, conseguindo, através desta importante área, manter a sustentabilidade dos seus negócios.

O Grupo RB, empenhado na garantia de um ambiente de trabalho saudável, digno e seguro, investe constantemente em segurança do trabalho, tanto para os colaboradores próprios, como para nossos parceiros terceirizados, através de apoio técnico e acompanhamento das instalações e atividades no campo. A busca por essa melhoria contínua se dá através das seguintes práticas:

• Incentivar a participação dos colaboradores na definição de estratégias para a redução e eliminação dos riscos existentes no ambiente de trabalho;

• Manter a conformidade com todos os requisitos legais existentes e aplicáveis aos negócios do Grupo RB;

• Garantir e proteger todos os direitos humanos e trabalhistas para os colaboradores;

• Investir na realização de treinamentos de segurança e saúde para os colaboradores;

• Realizar Integração de Saúde e Segurança do Trabalho para todos os colaboradores, focando os perigos e riscos existentes nas atividades e na aplicação das medidas de controle;

• Realizar Diálogos de Segurança de forma sistemática, com o objetivo de adotar um comportamento seguro entre todos os colaboradores;

• Realizar treinamentos teóricos e práticos sobre as medidas para a prevenção de acidentes;

• Realizar SIPATR – Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho Rural;

• Monitorar constantemente os riscos ambientais existentes no ambiente de trabalho;

• Fornecimento de equipamentos de segurança adequados e aprovados para todos os colaboradores;

• Monitoramento contínuo dos resultados obtidos através da análise global do sistema de gestão em saúde e segurança do trabalho, para verificar a efetiva implementação das ações de prevenção;

• Realização de campanhas de prevenção de acidentes, visando promover e reforçar os procedimentos em saúde e segurança do trabalho e prevenção de riscos;

• Realização de campanhas de saúde, visando a promoção da saúde e bem-estar do colaborador;

• Elaboração e implementação dos programas para a prevenção da saúde e segurança dos colaboradores;

Implementação do Plano de Atendimento à Emergência.

Fale Conosco

Trabalhamos com venda de sementes e mudas melhoradas além de pasta estimulante base vegetal e madeiras de pinus.

CONTATO